Contra o aumento abusivo da tarifa do Transporte "Público" da Grande Vitória

| Posted in | Posted on quinta-feira, janeiro 20, 2011

Todo ano é a mesma novela, o presente de ano novo do capixaba é o aumento de passagem.

Não aceitaremos mais essa prática que, inclusive, é utilizada para afastar a população no exercício do controle social sobre o poder público.
Um exemplo disso é a polícia e mídia tradicional difamando estudantes como baderneiros, defendendo assim os tubarões dos navios negreiros modernos, que alguns ousam chamar de “transporte público”.

REDUÇÃO IMEDIATA na tarifa da passagem.

Não foi apresentada planilha de custo para que houvesse justificativa do aumento, e nem obtemos um transporte satisfatório.

C.P.I do TRANSCOL.

Além da criação da CPI, o funcionamento da mesma para que os responsáveis por esses assaltos aos bolsos dos trabalhadores sejam afastados e punidos.

Reuniões do CONSELHO TARIFADO no período letivo dos estudantes.

É fato que as decisões do Conselho Tarifado são tomadas nos períodos de férias estudantis, pois assim, os trabalhadores ficam de mãos atadas sem os estudantes nas ruas à protestar.

Mais cadeiras para a participação da sociedade civil nas reuniões do CONSELHO TARIFADO.

Poucas pessoas sabem, mas é feita uma reunião com empresários, governo, sindicatos e sociedade civil para decidir o aumento da passagem. Essa reunião chama-se CONSELHO TARIFADO. Poucas cadeiras do mesmo são reservadas a população civil, o que é interessante, pois a quem mais interessa, são os que menos tem acesso.
O Governo sempre acaba por votar junto com empresários, que são grande maioria, esmagando o desejo dos trabalhadores de NÃO AUMENTO.

Na ponte da passagem contra o preço na passagem

| Posted in | Posted on domingo, janeiro 16, 2011



Protesto na ponte da passagem contra o preço na passagem.
Dia 19 de Janeiro (quarta-feira) 2011 ás 17:00 Horas.
Chega de aumento! Queremos transporte eficiente e de qualidade.
Transporte público é direito de cidadania, não mercadoria para empresários.







Vídeos de protestos anteriores.

Não é só na passagem. (2005)

Nota: Houve regresso no preço da passagem.



Invasão da Ceturb (2007)

Nota: Não me lembro se houve regresso no preço da passagem, mas conseguimos o passe livre para estudantes.




Repressão da polícia sobre os manifestantes (2010)

Nota: Esse foi o ultimo ato do MPL-ES



Este ano espero todos presentes para a nossa maravilhosa festa!
São estimadas 2mil pessoas!

Cobertura por diversas redes de emissoras internacionais, inclusive BBC News!

As 10mil primeiras pessoas não pagam NADA!!